Maio 22, 2019

ACESSAR CONTA

Usuário
Senha
Lembrar
alex tedeschi

alex tedeschi

Conforme processo protocolado, o Excelentíssimo Senhor Prefeito Municipal, Luiz Ademir Schock, está sendo acusado por crime de responsabilidade, conforme as razões de fato e direito a seguir descritas, requerendo seja decretada a perda de seu cargo, através de Impeachment, bem como a inabilitação para exercer função pública, pelo prazo de oito anos. 


O processo é um camalhaço de 123 páginas onde as denúncias contra a gestão de Luizão do Trento são minuciosamente relatadas.


Segundo relato do processo, no período de 2018 não aplicou de forma correta as verbas do FUNDEB, conforme pode ser comprovado pelo Parecer/2018 de 14/03/2019 do Conselho Municipal de Educação (em anexo). O gestor do município estaria utilizando os recursos oriundos do FUNDEF de forma ilegal e ilegítima, sem a destinação correta, que seria investimentos na área da educação.


Considerando, assim, que o Senhor Prefeito Municipal Luiz Ademir Schoch, tem dado demonstrações de pouco apreço com a educação, torna-se necessário e urgente a intervenção do Poder Legislativo, com a finalidade de aplicação imediata das sanções legais.


Dilapidação do patrimônio público, através o “esquema” criminoso e de corrupção instalada na Secretária de Obras, causando grave prejuízo a eficiência da administração pública, é uma dentre várias outras denúncias. ]


Luiz Schok, o Luizão do Trento, pode responder  processo por crime de responsabilidade, se caracterizada a negligência no oferecimento do ensino obrigatório (art. 5º, § 4º, LDB), aplicação  de verba pública diversa à prevista em lei (art. 315 – Código penal), com pena é de 1 ano a 3 meses de detenção ou multa, além de inelegibilidade por cinco anos.


A iniciativa de resolveu instaurar Procedimento Investigatório Criminal nº 02/2018 – 2º PJRM/MPE/RO nº 2018001010068587, é do Ministério Público de Rondônia, com a finalidade de apurar possível prática de crime contra a administração Pública no âmbito da Secretaria de Obras e Serviços Públicos do Município de Rolim de Moura.

Confira Procedimento Investigatório Criminal nº 02/2018 – 2º PJRM/MPE/RO nº 2018001010068587.

Clique aqui:

https://drive.google.com/file/d/1-Ud2sun_Xfjj7DSfP9dcIEabnkwwNdzt/view

Argumentando que o Programa  Bolsa Família e Renda Cidadã buscam resgatar a cidadania das famílias em situação de extrema pobreza por meio de auxilio financeiro mensal, já que transfere renda diretamente ao beneficiário, o vereador Delegado Morari (Podemos), solicitou do prefeito de Rolim de Moura, através da Secretaria Municipal de  Assistência Social, informações detalhadas sobre as famílias cadastradas, constando nome, data de nascimento, endereço e período de inscrição, bem como a respectiva renda familiar. Morari disse que as informações são importantes  para comprovar a correta distribuição, identificando quem realmente precisa da ajuda governamental.

SERVIDORES – Um  segundo requerimento do parlamentar do PODEMOS pede que seja encaminhado ao  Poder Legislativo relação nominal de todos os servidores contratados (com ou sem concurso, comissionados  ou através de processo seletivo), observando detalhes  como tipos de admissão, cargos, remunerações e setores em que estão lotados. Ele pede também relação nominal de todos os secretários municipais e chefes de setores, sem exceção, nomeados no presente exercício, além das suas respectivas remunerações e setores onde estão exercendo funções.

“Precisamos acompanhar os atos praticados pelo Executivo, ter o conhecimento dos atos praticados e fiscalizar também na gestão patrimonial, recursos humanos, atividades financeiras e questões orçamentárias, resssaltou o vereador Delegado Morari.

Fonte: Assessoria

“ O vereador Delegado Morari questiona decreto que estabelece normas para carga e descarga de mercadorias em Rolim de Moura, pede sua revogação e garante que o problema é bem mais grave”

O vereador Delegado Renato Morari (PODEMOS), se pronunciou hoje durante reunião das comissões na Câmara de Rolim de Moura, pedindo a imediata revogação do decreto baixado pelo prefeito Luis Ademir Schok, o Luizão do Trento,  que estabelece horário – das 16hs00 de um dia até as 08hs00 do dia seguinte (dias úteis) e das 12hs00 as 00hs00 aos sábados e  qualquer horário domingos e feriados.

Morari disse que carrega uma certa preocupação porque as ações do Executivo parecem sem tomadas impulsivamente, sem o devido cuidado com as conseqüências e ocasionais prejuízos coletivos. Para o vereador do PODEMOS nunca se verificou interrupção do trânsito na cidade por conta de qualquer movimentação de carga e descarga  de mercadorias, de maneira que o decreto não faz sentido. Ele observa que as limitações impostas causam prejuízos em cadeia, desde o produtor rural até os motoristas de caminhões. “O problema no trânsito é muito mais sério, precisa ser discutido de maneira técnica e até mesmo reorganizado. Não podemos falar em regular horários de carga e descarga quando a cidade praticamente não tem vagas para estacionamento nas vias de maior movimento comercial”, resssaltou o vereador.

As colocações do parlamentar do PODEMOS reviram um antigo caso de desleixo das administrações ao longo dos anos. O município de Rolim de Moura é um dos líderes no índice de crescimento da frota, que já chegou a 40% ao ano, num passado recente. Mesmo diante das evidências nenhum prefeito adotou medidas técnicas bem elaboradas para definir áreas de estacionamento e muito menos estudos de engenharia  sobre a ordenação do sentido de circulação automotivo. O caso, então, vai além de horários de carga e descarga, que inclusive prevê multa.

Fonte: Assessoria

Convidado pelo prefeito de Mirante da Serra o vereador rolimourense Delegado Morari participou como palestrante nos eventos que marcaram o Dia Naconal de Combate ao Abuso e à Exploração Infantil contra Crianças e Adolescentes. O Delegado Morari palestrou discorrendo sobre o tema Combate ao Abuso Sexual Infanto-Juvenil, assunto que é domina com propriedade.

Além da palestra do Delegado Morari a população de Mirante da Serra se reuniu numa caminhada pelas principais rurais e avenidas da cidade. A Campanha vai continuar nos próximos dias com palestras nas escolas municipais da zona rural de Mirante da Serra.

CAMPANHA “FAÇA BONITO”

A Campanha Faça Bonito, é uma conquista que demarca a luta pelos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes. Anualmente a Campanha tem um dia Nacional de mobilização, o dia 18 de Maio. Esse dia foi escolhido porque em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), um crime bárbaro chocou todo o país e ficou conhecido como o “Caso Araceli”. Esse era o nome de uma menina de apenas oito anos de idade, que teve todos os seus direitos humanos violados, foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta daquela cidade. O crime, apesar de sua natureza hedionda, até hoje está impune. A proposta é mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos de crianças e adolescentes.

Fonte: Assessoria

Convidado pelo prefeito de Mirante da Serra o vereador rolimourense Delegado Morari participou como palestrante nos eventos que marcaram o Dia Naconal de Combate ao Abuso e à Exploração Infantil contra Crianças e Adolescentes. O Delegado Morari palestrou discorrendo sobre o tema Combate ao Abuso Sexual Infanto-Juvenil, assunto que é domina com propriedade.

Além da palestra do Delegado Morari a população de Mirante da Serra se reuniu numa caminhada pelas principais rurais e avenidas da cidade. A Campanha vai continuar nos próximos dias com palestras nas escolas municipais da zona rural de Mirante da Serra.

CAMPANHA “FAÇA BONITO”

A Campanha Faça Bonito, é uma conquista que demarca a luta pelos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes. Anualmente a Campanha tem um dia Nacional de mobilização, o dia 18 de Maio. Esse dia foi escolhido porque em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), um crime bárbaro chocou todo o país e ficou conhecido como o “Caso Araceli”. Esse era o nome de uma menina de apenas oito anos de idade, que teve todos os seus direitos humanos violados, foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta daquela cidade. O crime, apesar de sua natureza hedionda, até hoje está impune. A proposta é mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos de crianças e adolescentes.

Fonte: Assessoria

Convidado pelo prefeito de Mirante da Serra o vereador rolimourense Delegado Morari participou como palestrante nos eventos que marcaram o Dia Naconal de Combate ao Abuso e à Exploração Infantil contra Crianças e Adolescentes. O Delegado Morari palestrou discorrendo sobre o tema Combate ao Abuso Sexual Infanto-Juvenil, assunto que é domina com propriedade.

Além da palestra do Delegado Morari a população de Mirante da Serra se reuniu numa caminhada pelas principais rurais e avenidas da cidade. A Campanha vai continuar nos próximos dias com palestras nas escolas municipais da zona rural de Mirante da Serra.

CAMPANHA “FAÇA BONITO”

A Campanha Faça Bonito, é uma conquista que demarca a luta pelos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes. Anualmente a Campanha tem um dia Nacional de mobilização, o dia 18 de Maio. Esse dia foi escolhido porque em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), um crime bárbaro chocou todo o país e ficou conhecido como o “Caso Araceli”. Esse era o nome de uma menina de apenas oito anos de idade, que teve todos os seus direitos humanos violados, foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta daquela cidade. O crime, apesar de sua natureza hedionda, até hoje está impune. A proposta é mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos de crianças e adolescentes.

Fonte: Assessoria

Convidado pelo prefeito de Mirante da Serra o vereador rolimourense Delegado Morari participou como palestrante nos eventos que marcaram o Dia Naconal de Combate ao Abuso e à Exploração Infantil contra Crianças e Adolescentes. O Delegado Morari palestrou discorrendo sobre o tema Combate ao Abuso Sexual Infanto-Juvenil, assunto que é domina com propriedade.

Além da palestra do Delegado Morari a população de Mirante da Serra se reuniu numa caminhada pelas principais rurais e avenidas da cidade. A Campanha vai continuar nos próximos dias com palestras nas escolas municipais da zona rural de Mirante da Serra.

CAMPANHA “FAÇA BONITO”

A Campanha Faça Bonito, é uma conquista que demarca a luta pelos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes. Anualmente a Campanha tem um dia Nacional de mobilização, o dia 18 de Maio. Esse dia foi escolhido porque em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), um crime bárbaro chocou todo o país e ficou conhecido como o “Caso Araceli”. Esse era o nome de uma menina de apenas oito anos de idade, que teve todos os seus direitos humanos violados, foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta daquela cidade. O crime, apesar de sua natureza hedionda, até hoje está impune. A proposta é mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos de crianças e adolescentes.

Fonte: Assessoria

Convidado pelo prefeito de Mirante da Serra o vereador rolimourense Delegado Morari participou como palestrante nos eventos que marcaram o Dia Naconal de Combate ao Abuso e à Exploração Infantil contra Crianças e Adolescentes. O Delegado Morari palestrou discorrendo sobre o tema Combate ao Abuso Sexual Infanto-Juvenil, assunto que é domina com propriedade.

Além da palestra do Delegado Morari a população de Mirante da Serra se reuniu numa caminhada pelas principais rurais e avenidas da cidade. A Campanha vai continuar nos próximos dias com palestras nas escolas municipais da zona rural de Mirante da Serra.

CAMPANHA “FAÇA BONITO”

A Campanha Faça Bonito, é uma conquista que demarca a luta pelos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes. Anualmente a Campanha tem um dia Nacional de mobilização, o dia 18 de Maio. Esse dia foi escolhido porque em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), um crime bárbaro chocou todo o país e ficou conhecido como o “Caso Araceli”. Esse era o nome de uma menina de apenas oito anos de idade, que teve todos os seus direitos humanos violados, foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta daquela cidade. O crime, apesar de sua natureza hedionda, até hoje está impune. A proposta é mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos de crianças e adolescentes.

Fonte: Assessoria

Convidado pelo prefeito de Mirante da Serra o vereador rolimourense Delegado Morari participou como palestrante nos eventos que marcaram o Dia Naconal de Combate ao Abuso e à Exploração Infantil contra Crianças e Adolescentes. O Delegado Morari palestrou discorrendo sobre o tema Combate ao Abuso Sexual Infanto-Juvenil, assunto que é domina com propriedade.

Além da palestra do Delegado Morari a população de Mirante da Serra se reuniu numa caminhada pelas principais rurais e avenidas da cidade. A Campanha vai continuar nos próximos dias com palestras nas escolas municipais da zona rural de Mirante da Serra.

CAMPANHA “FAÇA BONITO”

A Campanha Faça Bonito, é uma conquista que demarca a luta pelos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes. Anualmente a Campanha tem um dia Nacional de mobilização, o dia 18 de Maio. Esse dia foi escolhido porque em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), um crime bárbaro chocou todo o país e ficou conhecido como o “Caso Araceli”. Esse era o nome de uma menina de apenas oito anos de idade, que teve todos os seus direitos humanos violados, foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta daquela cidade. O crime, apesar de sua natureza hedionda, até hoje está impune. A proposta é mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos de crianças e adolescentes.

Fonte: Assessoria

Página 1 de 23
© 2017 Todos os Diretos Reservados